Como se preparar para a chegada de um bebê

A preparação financeira começa antes mesmo da gravidez, pois a mulher tem que preparar o corpo para gerar o bebê, então exames e vitaminas serão necessário para isso, esses gastos tem que ser contabilizados também no orçamento.

Um bebê não sai barato para uma família, então tem que ter uma adequação nos gasto familiar para a chegada do novo membro.

Ter um planejamento financeiro deixa tudo mais tranquilo, mas é essencial ser manter com pé no chão, não se deixar iludir pelas diversas propagandas de produtos infantis que recebemos diariamente, muitas vezes criamos a necessidade de adquirir alguns produtos que não chegamos nem a usar no bebê.

Esses gastos desnecessário irá impactar seu orçamento e quando houve um caso onde realmente será necessário gastar com o bebê estará limitado.

Para preparação do enxoval leve em conta a estação que o bebê irá nascer para não comprar roupinhas que não irá usar, por exemplo seu bebê vai nascer no verão e você comprou bastante roupas de inverno, essas peças seu bebê não irá usar. Também não precisa comprar muitas peças pois o bebê cresce rápido e perde logo as roupinhas. De cinco a seis peças de cada já serão suficiente, agora com as fraldas descartáveis já é um pouco diferente, pois esse item é o que mais vamos gastar. Procure fazer uma reserva só para fraldas pois assim comprará apenas o necessário para o peso que seu se encontra, agora se você vai fazer chá de bebê ou chá de fraldas, peça de vários tamanhos assim não ficará com uma grande quantidade de fraldas do mesmo tamanho.

Manter o foco para evitar gastos desnecessários e fundamental para um bom planejamento financeiro

Se você tem amigas ou participa de grupos de mães não tenha vergonha de pedir emprestado ou doar alguns produtos para o seu bebê, mas preste atenção na segurança como por exemplo o bebê conforto, que é algo muito importante e indispensável para andar com o bebê no carro.

Tenha disciplina e controle financeiro pois agora que você irá ensinar educação financeira para seu filho, não são os pais que tem que se adequar a realidade financeira dos filhos e sim os filhos que terão que se adequar a realidade financeira dos pais. Mostrar a criança o que pode ter ou não ter, pois dessa forma já estamos preparando as crianças para o futuro, pois a vida vai dá vários nãos.

Uma coisa que é muito importante no período da gestação e se manter saudável, pois estamos gerando uma vida que precisa totalmente de você, para o bom desenvolvimento do bebê é fundamental que a mamãe cuide da sua saúde. Pensando nisso eu, Adilma Maranhão ( educadora física e coach de emagrecimento), criei um e-book voltado para gestantes, chamado “MOVIMENTE-SE NA GRAVIDEZ” lá mostro exercícios simples, fácies , porém eficazes para controlar o peso no período da gestação. Se você ficou curiosa e quer mais informações sobre o e-book clique aqui.

Pensar e planejar antes do bebê chegar é o ideal a se fazer, assim você vai ter um planejamento financeiro mais claro e organizado, dessa forma poderá curti sua gestação e posteriormente seu bebê com suas finanças toda organizada.

Texto escrito por Adilma Maranhão

Rosielle Pegado (planejadora financeira) e eu, gravamos um vídeo no seu canal sobre esse tema, assista o vídeo abaixo:

Facebook Comments

Deixe um comentário